Fundado em 22/Setembro/1999 Gurupi - Tocantins Fale Conosco Facebook 15/07/2020 01:26
  17/06/2020 09:53:24
Imprimir
SERVIDORES ESTADUAIS

ASSEMBLEIA - Em audiência pública SINTRAS-TO defende mudanças no IGEPREV, mas sem redução do numero de conselheiros

Uma das propostas do sindicato foi que os membros dos Conselhos fossem servidores de carreira com o objetivo de garantir melhor administração do patrimônio e facilidade de localização e aplicação de medidas de punição, caso haja ações fraudulentas e administrativas no instituto.

por Redação inf/Ascom Sintras - TO

Foto: Divulgação

A MP nº 6 traz uma restruturação contemplando as reivindicações do sindicato, mas contrariando com redução dos membros do Conselho.

Durante audiência pública na Assembleia Legislativa realizada na terça-feira, (16), o presidente do SINTRAS enfermeiro Manoel Miranda defende alteração e reformulação da estrutura do Instituto de Gestão Previdenciária do Estado do Tocantins – IGEPREV, mas sem redução dos membros do Conselho de Administração e do Conselho Fiscal.

Manoel Pereira de Miranda ratificou que muitas das alterações foram solicitadas há três anos pelo sindicato propondo uma restruturação do Igeprev, porém com paridade dos membros que compõem o Conselho.

Para reformulação da estrutura do órgão também foi proposto pelo sindicato que os membros dos Conselhos fossem servidores de carreira com o objetivo de garantir melhor administração do patrimônio público e facilidade de localização e aplicação de medidas de punição de responsáveis, caso haja ações fraudulentas e administrativas no instituto.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e pessoas sentadas

Presidente do Sintras-TO Manoel Miranda, durante audiência pública na Assembleia

Estas reivindicações foram motivadas principalmente pelas aplicações irregulares no órgão levando um prejuízo de mais de um bilhão de reais nos cofres do patrimônio público. E ainda hoje o Estado do Tocantins, mesmo após parcelar o débito soma pendências nos repasses ao Igeprev.

O presidente destaca que foi membro do Conselho de Administração em duas gestões e na época não tinha representantes de todos os poderes na composição do Conselho. Só após solicitar o aumento incluindo representantes de todas as classes de servidores públicos que foi possível descobri o rombo nas aplicações.

A imagem pode conter: céu e ar livre

E a Medida Provisória de nº 6 traz uma restruturação contemplando as reivindicações do sindicato, mas contrariando com redução dos membros do Conselho. A MP tem como relator o deputado Júnior Geo que em sua proposta restabelece o número de membros nos Conselhos.

“Muitas das mudanças trazidas pela MP nº 6 já foram solicitadas há anos pelos representantes dos servidores públicos, mas um ponto que não podemos aceitar é a redução do número de membros nos conselhos, pois deixa de fora servidores dos outros poderes, que poderão participar apenas como suplentes”, pontua o presidente Manoel afirmando a importância da participação dos membros mesmo como suplentes.

Voltar

Comentários

Notícias mais lidas

CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL

Prefeitura de Aliança do Tocantuns abre concurso público com 82 vagas

CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL

Prefeitura de Formoso do Araguaia abre concurso com 141 vagas

PLANTÃO DE POLICIA

GURUPI: Policia Civil envia ''GOTE'' Grupo de Elite para conter onda de violência que assola cidade

SAÙDE

Carreta Unidade Móvel III do Hospital do Câncer de Barretos estará em Gurupi realizando atendimentos de graça

CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL

UnirG irá realizar concurso público para quadro administrativo e técnico

Todos os Direitos Reservados Rua C-03, Qd-10, Lt-05, Nº 101 - Setor Canaã -Gurupi/TO