Fundado em 22/Setembro/1999 Gurupi - Tocantins Fale Conosco Facebook 03/06/2020 02:14
  25/03/2020 14:26:14
Imprimir
SAUDE & PREVENÇÃO

REPÚDIO - SINTRAS-TO publica nota repudiando, fala do presidente Bolsonaro com criticas as medidas para conter a COVID-19

De acordo com a nota do sindicato, Bolsonaro foi infeliz na sua fala e demonstrou a falta de conexão com o seu ministro da saúde, com a Organização Mundial da Saúde (OMS), além de todos os países que estão lutando com o mesmo objetivo que é combater o COVID-19.

por Redação inf/Ascom Sintras - TO

Foto: Divulgação

O SINTRAS-TO publicou nota repudiando o pronunciamento do presidente da república Jair Bolsonaro com criticas as medidas de prevenção contra a disseminação do covid-19 praticada em todos os estados brasileiros.

O SINTRAS-TO (Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado do Tocantins), publicou nota repudiando o pronunciamento do presidente da república Jair Bolsonaro em cadeia nacional de Rádio e TV na noite desta terça-feira, 24; onde o presidente criticou as medidas de prevenção contra a disseminação do covid-19 praticada em todos os estados brasileiros.

 

De acordo com a nota do sindicato, Bolsonaro foi infeliz na sua fala e demonstrou a falta de conexão com o seu ministro da saúde, com a Organização Mundial da Saúde (OMS), além de todos os países que estão lutando com o mesmo objetivo que é combater o COVID-19.

 

"Ainda distorcendo o cenário sobre o COVID-19, Bolsonaro menosprezou o trabalho de técnicos da área, da OMS, da ciência, onde todos estão sintonizados em prol da saúde dos brasileiros".


A imagem pode conter: Sintras Tocantins, sentado e interiores

Presidente do Sintras-TO Manoel Miranda - "Bolsonaro foi infeliz na sua fala e demonstrou a falta de conexão com o seu ministro da saúde".

 

"Poderemos viver um grande colapso na saúde, caso a medida do presidente vir a ser determinada para todo o país. Veremos grandes aglomerações de pessoas nas unidades de saúde dos Estados, como consequência da disseminação do novo vírus que já vitimou milhares de pessoas em todo o mundo".

  

"As repercussões de toda sociedade civil organizada, senado, câmara federal, governos estaduais e municipais, poder judiciário e legislativos estaduais, contrariando Bolsonaro demonstra o desequilíbrio psicológico do chefe na nação brasileira diante dessa pandemia".

 

"Sabemos que todos nós sofreremos as consequências dessa crise na saúde, mas o momento é de priorizar o bem comum, a saúde de todos".

 

Por último a nota assinada pelo presidente do Sintras-TO Manoel Miranda, diz que o sindicato dos trabalhadores em saúde, continua atento as medidas preventivas no combate ao COVID-19, pois preocupa com a velocidade da sua propagação, gerando um colapso na saúde, onde não haverá profissionais suficientes para atender a grande demanda nas unidades de saúde dos Estados, principalmente aqui no Tocantins".


Manoel Pereira de Miranda

Presidente do Sintras 

Voltar

Comentários

Notícias mais lidas

CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL

Prefeitura de Aliança do Tocantuns abre concurso público com 82 vagas

CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL

Prefeitura de Formoso do Araguaia abre concurso com 141 vagas

PLANTÃO DE POLICIA

GURUPI: Policia Civil envia ''GOTE'' Grupo de Elite para conter onda de violência que assola cidade

SAÙDE

Carreta Unidade Móvel III do Hospital do Câncer de Barretos estará em Gurupi realizando atendimentos de graça

CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL

UnirG irá realizar concurso público para quadro administrativo e técnico

Todos os Direitos Reservados Rua C-03, Qd-10, Lt-05, Nº 101 - Setor Canaã -Gurupi/TO